19
Jul 13

Dieta em 31 dias

Há uns dois meses atrás comecei a ouvir falar na Dieta dos 31 dias, da Ágata Roquette, e o furor que andava a fazer entre o mulherio uma dieta que prometia perder à volta de uns 5 quilos num mês e sem passar fome. Isto foi música para os meus ouvidos, que já andava há séculos para iniciar um regime alimentar mais saudável, e decidi que estava na altura de experimentar. 

Depois de uma semana de férias de regabofe gastronómico em que me despedi de tudo o que mais gostava e que ia ter que eliminar nesta dieta (doces, salgados, fritos...), comecei um novo regime alimentar em que só me permitia comer alimentos ricos em proteínas, abster-me de tudo o que fosse açúcares e gorduras saturadas, beber cerca de 2 litros de água por dia e praticar exercício físico.

Ao final de uma semana a perda de peso já era notória, a minha auto-estima tinha aumentado e até me sentia com mais energia. Ao final de duas semanas já pesava menos 4 quilos, principalmente pela mudança drástica para uma alimentação saudável (coisa que dantes não fazia regularmente, daí os resultados rápidos). Perdi sobretudo volume na barriga, mas já se ia notando diferenças no resto do corpo.

Agora que já passou um mês desde que comecei, a dieta não termina. Ainda tenho peso para perder até chegar ao número ideal, mas sei que vou no bom caminho. Se alguém quer fazer dietas, mas sem sentir que o está a fazer, esta dieta resulta. Não é um milagre, é preciso força de vontade na mesma, mas não temos que nos privar de tudo para perder peso. É que esta dieta ainda nos dá a liberdade para cometer um dia de asneira por semana, coisa que tenho evitado para ver se não caio em tentações, mas já marchou uma pizza e chocolate nos entretantos... nada mau! 

publicado por cátia às 21:45 | comentar | ver comentários (7) | favorito
03
Jul 13

101 coisas em 1001 dias: round 2

Pois bem, acabou no mês passado a primeira lista de 101 coisas a fazer em 1001 dias e apesar do resultado desastroso - não cumpri o objetivo que era riscar 80% daquela lista, fiquei-me pelos 41% -, não desanimei e vou investir em mais uma lista para os próximos 1001 dias. Algumas coisas que não fiz, repeti nesta lista; outras elevei a fasquia; acrescentei também coisas novas, mas mantive as categorias.

E o prazo para cumprir a nova lista começa a contar a partir de... agora!

 

Destinos & Viagens:

1. Ir a Itália
2. Visitar uma capital europeia [a definir ainda]
3. Ir a Nova Iorque
4. Ir aos Açores ou à Madeira
5. Voltar ao Gerês
6. Fazer um passeio pela costa alentejana
7. Fazer um passeio pelas aldeias de xisto
8. Acampar
9. Ir para um sítio com neve
10. Visitar uma das 7 maravilhas do mundo
11. Fazer um cruzeiro
12. Ficar num Parador de Espanha
13. Voltar a La Granja de San Ildefonso, em Espanha, na altura das festas, para ver as fontes a funcionar
14. Pasar um Natal fora do país
15. Experimentar 5 hotéis cotados com 4 ou 5 estrelas
16. Visitar 5 museus
17. Voltar a um lugar onde já tenha sido muito feliz

 

Pessoal:
18. Perder o receio de conduzir
19. Ir ver o meu Benfica à catedral
20. Alcançar os 1000 postais para a minha coleção
21. Alcançar os 250 livros para a minha biblioteca pessoal
22. Criar um portefólio organizado de receitas
23. Criar um blog das minhas receitas preferidas
24. Preencher o Trivago com todos os sítios que já visitei e hotéis onde fiquei
25. Ver o pôr-do-sol à beira-mar
26. Ver o nascer do sol
27. Aprender a nadar
28. Voltar a pôr o biquini e fazer praia durante uma tarde inteira
29. Fazer um piquenique

 

Namorado & Eu:
30. Fazer-lhe uma surpresa especial
31. Levar-lhe o pequeno-almoço à cama
32. Voltar a escrever-lhe uma carta de amor
33. Preparar uma noite especial
34. Planear um fim-de-semana romântico

 

Saúde & bem-estar:
35. Voltar a ter o meu peso na casa dos 60
36. Ir ao dentista uma vez por ano [2013] [2014] [2015]
37. Doar sangue
38. Doar medula óssea
39. Experimentar uma sessão de SPA
40. Fazer depilação a laser
41. Fazer ioga
42. Fazer pilates
43. Inscrever-me num ginásio
44. Comer apenas comida vegetariana durante uma semana
45. Fazer exercício regularmente [todas as semanas, pelo menos]
46. Começar a correr
47. Ir ao ginecologista

 

Organização & Casa:
48. Renovar as fotografias das molduras lá de casa
49. Renovar o guarda-roupa
50. Iniciar a reciclagem em casa
51. Plantar uma pequena "horta" nos canteiros lá de casa
52. Pintar a parede cá de casa que ficou estragada com uma infiltração
53. Organizar documentos e ficheiros do meu disco rígido

 

Compras:
54. Comprar um bonsai e não o deixar morrer
55. Adotar mais um bichinho (peixe ou tartaruga)
56. Comprar uns óculos de leitura
57. Comprar uns óculos de sol
58. Comprar um daqueles relógios com várias braceletes
59. Comprar o Trivial Pursuit Genius
60. Comprar um iPod
61. Convencer-me a mim própria a gostar de tablets e comprar um iPad
62. Comprar um espelho alto para o quarto
63. Vender coisas que já não uso em sites de leilão

 

Cultura, Lazer & Gastronomia:
64. Ver 150 dos 250 filmes recomendados pelo IMDB
65. Ler 1 livro por mês
66. Passar um revéillon sem ser em casa de familiares
67. Aderir ao geocaching
68. Ir a um concerto
69. Ir a uma peça de teatro
70. Ir a um musical
71. Ir a um festival de Verão
72. Ir a uma edição da Feira Medieval em Terras de Santa Maria

 

Desenvolvimento profissional:
73. Tirar o CAP
74. Tirar um curso de espanhol
75. Tirar um curso de inglês
76. Aprender Javacript
77. Aprender PHP
78. Fazer um site costumizado em Wordpress
79. Fazer um trabalho como freelancer
80. Adquirir um domínio na Web para um site pessoal
81. Criar um portefólio pessoal
82. Atualizar o CV
83. Fazer um upgrade da minha conta no Flickr para Pro
84. Reactivar as contas do Flickr e do Twitter e integrá-las num espaço online (blog ou site pessoal)
85. Colocar alguns dos meus trabalhos no Dribbble
86. Fazer um workshop de fotografia
87. Iniciar uma pequena biblioteca pessoal de livros técnicos

 

Desafios & Experiências:
88. Andar de balão de ar quente
89. Fazer slide, rappel ou bungee jumping
90. Fazer paraquedismo
91. Experimentar parapente
92. Começar uma coleção das diferentes moedas de Euro dos vários países que aderiram
93. Começar a jogar no Euromilhões semanalmente
94. Tirar uma foto por dia durante um ano
95. Participar num concurso de televisão (gostava muito de concorrer ao Quem Quer Ser Milionário)
96. Plantar uma árvore
97. Escrever um livro
98. Fazer topless :D
99. Manter este espaço ativo e sempre atualizado
100. Cumprir 80% dos objetivos da lista
101. Em 29 de Fevereiro de 2016 fazer uma nova lista de 101 Coisas em 1001 Dias. 

22
Jun 13

Retrato de uma geração

Excerto de um post d' A Mona Lisa Tinha Gases com o retrato de uma geração: a minha geração, a tua geração, a geração atual de todos nós.

 

"Lembram-se de como era quando éramos miúdos?

Conseguem lembrar-se?

Como todas as possibilidades estavam em aberto?

Podíamos escolher o caminho. E o caminho parecia tão risonho, soalheiro. Tudo ia correr bem, íamos ter um impacto no mundo como nunca antes visto. Íamos acabar com as guerras, com a fome, descobrir a cura para o cancro e nunca, mas nunca teríamos de nos preocupar com dinheiro, horários, reuniões, aparências, conversas miudinhas… Nós íamos fazer a diferença!

E depois, vem a realidade. O trabalho que parece idílico mas que no fim não corresponde às nossas expectativas. Promete e acaba por dar tão pouco. Muito menos que aquilo que merecemos, muito menos que aquilo para o qual trabalhámos durante uma infindável vida académica. Que a única coisa que faz é colocar-nos um mísero montante na conta ao fim do mês. Que não nos permite sonhar porque não nos permite sobreviver mais do que esse mesmo mês. Que nos dá a confiança para construir para, em última análise, nos prender. Que nos submete a realidades que sabemos que não podem ser as nossas. Que nos suga, nos impede de ter reação. Sabem do que falo?

E quando esse trabalho, esse emprego, desaparece? Não porque não sejamos os melhores mas porque não temos as melhores influências, porque o nosso talento e a nossa capacidade mirram perante o sobrinho, o familiar ou o amigo? Sabem do que falo?

Quantos de nós renunciamos aos sonhos para alcançar aquilo que é exigido? Quantos de nós não fazemos aquilo que nos corre no sangue, que nos completa, que nos preenche o código genético em prol de correspondermos à imagem que os outros têm de nós? Ao protótipo.

E para quê? Para sermos tratados como produtos descartáveis? Para passarmos por estágios, períodos de experiência, contratos com e sem termo e, no fim, por despedimentos coletivos? Por torturas psicológicas, desconsiderações, faltas de respeito. Para nos dizerem, com ou sem palavras, que por muito bons que sejamos, haverá sempre alguém na fila à nossa frente. Porque somos demasiado letrados e, claro, demasiado caros? Porque não nascemos na família cujo nome nos garanta emprego?

Este é o retrato da minha geração."

via A Mona Lisa Tinha Gases

publicado por cátia às 17:34 | comentar | ver comentários (1) | favorito
07
Jun 13

Bastille

Nada como uma boa música para entrar com o pé direito de férias. É só uma semaninha, mas vai saber pela vida e os Bastille vão comigo para tornar os próximos dias ainda mais solarengos [para o caso de continuar este tempo cinzento...].

 

publicado por cátia às 19:45 | comentar | favorito
05
Jun 13

Spoilers

Se há coisa que eu detesto é que me estraguem um episódio de uma série ou de um filme só porque, propositadamente ou não, me contam partes essenciais de uma história. Que me digam que vai ser bom, que vai ser mau, assim-assim,... tudo bem! Agora mais que isso não, meus queridos spoilers.

Aconteceu isso com o último episódio de Game of Thrones e não gostei. Tinha tudo para ter ficado incrédula com o final do episódio, ter deixado cair uma lagrimita, sei lá, qualquer coisa emotiva, mas não! E porquê? Porque umas bestas que gostam de ir para o Facebook dizer mais do que devem, estragaram tudo. A partir de hoje ou vejo os episódios logo à segunda-feira enquanto tomo o pequeno-almoço ou desligo-me das redes sociais para não ler mais do que devo. 

A todos os spoilers por esse mundo fora desejo-vos uma coisinha muito má. Só não digo exatamente o quê para não vos tirar a graça à coisa.

publicado por cátia às 20:36 | comentar | ver comentários (2) | favorito (1)
03
Mai 13

M83

Um bom fim de semana cheio de solinho ao som de boa música.

 

publicado por cátia às 20:19 | comentar | favorito
tags: ,
02
Mai 13

Carrega Benfica

Hoje sofri pelo Benfica como já não sofria há muito tempo.

Primeiro sofri com o sinal da minha televisão que é mais atrasado que o dos vizinhos e tive que me contentar em antecipar jogadas de golo e não vibrar com tanto entusiasmo os três golaços do meu Benfas. Depois foi um sofrimento acompanhado de ansiedade a partir do terceiro golo, a ver se a gente se aguentava assim até ao apito afinal. E lá aguentámos...

E agora que chegamos até à final, ninguém nos pára. Vou começar já a tratar de arranjar um spot bem maneiro para ver a final europeia que cá em casa é que eu não fico. Talvez toque à campainha dos vizinhos e veja por lá o Benfica a ganhar mais uma vez.

publicado por cátia às 23:54 | comentar | favorito
tags:
22
Mar 13

O melhor de dois mundos

Não sei o que gosto mais nisto: se o facto de fazerem piadas, umas mais brejeiras, outras mais românticas, com programação à mistura [que apela ao meu lado mais geek], se o facto de usarem fotos do bonzão do Ryanzito. Mentira, gosto mais do Ryanzito, sem sombra de dúvida. Mas há trocadilhos bem giros, como este aqui de baixo.

 

publicado por cátia às 00:05 | comentar | ver comentários (1) | favorito
21
Mar 13

Meo Go

Publicidades à parte, estou rendida ao Meo Go.

Cliente há já uns anos do Meo, nunca tive nada a apontar a este serviço: apoio ao cliente 5 estrelas, funcionalidades melhores que as outras operadoras [e sei do que falo com conhecimento de causa] e relação qualidade/preço aceitável [aí, bom mesmo, só se fosse de graça!]. Mas há pouco tempo, os senhores do Meo decidiram que um dos seus trunfos iria deixar de ser pago e eu decidi ver o que isso era, um tal Meo Go. Lá fui ver e os senhores prometiam que, gratuitamente, teria vários canais de TV à minha disposição em qualquer dispositivo móvel. Isto foi música para os meus ouvidos. Ora eu como não tenho televisão no quarto, para mim, que costumava ser um sacrifício ver alguma coisa na televisão e não poder ir para o aconchego das mantas, foi juntar o útil ao agradável. Agora posso, por exemplo, ver um novo episódio de Modern Family no quentinho dos lençóis, basta levar o portátil ou até mesmo o telemóvel e não preciso de levar a televisão atrás. É tão fácil fazerem-me feliz!

publicado por cátia às 23:51 | comentar | favorito (1)
10
Mar 13

Imagine Dragons

Já descobri aqui há uns tempos esta banda com a música "Radioactive" e apaixonei-me. Depois ainda me deliciei mais com a "Demons". E agora fiquei rendida por completo quando descobri que a música do novo anúncio da Vodafone também é deles. Para mim, são, para já, a banda de 2013! Para ouvir em loop nos próximos tempos e com o desafio de descobrir se eles por acaso têm alguma música que não seja para lá de espetacular...

 

publicado por cátia às 23:44 | comentar | favorito (1)